sábado, setembro 18, 2010

O que aconteceria se tivesse sido diferente?


Me faço essa pergunta todos os dias dos últimos meses.
E se eu não tivesse ido àquela praça? E se eu não tivesse tentado? E se eu não tivesse querido? E se eu não tivesse amado? E se eu tivesse esquecido?

Seria. Seria tudo diferente. Se melhor ou pior do que é hoje, eu não poderia saber de onde estou. Mas de uma coisa eu tenho certeza, teria pelo menos novas chances. As que hoje eu deixo passar por ter ido à praça; Por ter tentado; Por ter quisto; Por ter amado e por não ter esquecido.

Eu sei também que um novo destino é possivel. Nada esta engessado dentro de um universo de possibilidades que chegam todos os dias...

"Mas o medo me segura pelo braço."
Agora me digam, Hermanos, o que o velho e o moço acham disso.

2 comentários:

Honestino Afonso Xavier disse...

SALMO 27
1 O SENHOR é a minha luz e a minha salvação; a quem temerei? O SENHOR é a força da minha vida; de quem me recearei?
2 Quando os malvados, meus adversários e meus inimigos, se chegaram contra mim, para comerem as minhas carnes, tropeçaram e caíram.
3 Ainda que um exército me cercasse, o meu coração não temeria; ainda que a guerra se levantasse contra mim, nisto confiaria.
4 Uma coisa pedi ao SENHOR, e a buscarei: que possa morar na casa do SENHOR todos os dias da minha vida, para contemplar a formosura do SENHOR, e inquirir no seu templo.
5 Porque no dia da adversidade me esconderá no seu pavilhão; no oculto do seu tabernáculo me esconderá; pôr-me-á sobre uma rocha.
6 Também agora a minha cabeça será exaltada sobre os meus inimigos que estão em redor de mim; por isso oferecerei sacrifício de júbilo no seu tabernáculo; cantarei, sim, cantarei louvores ao SENHOR.
7 Ouve, SENHOR, a minha voz quando clamo; tem também piedade de mim, e responde-me.
8 Quando tu disseste: Buscai o meu rosto; o meu coração disse a ti: O teu rosto, SENHOR, buscarei.
9 Não escondas de mim a tua face, não rejeites ao teu servo com ira; tu foste a minha ajuda, não me deixes nem me desampares, ó Deus da minha salvação.
10 PORQUE, QUANDO O MEU PAI E MINHA MÃE ME DESAMPARAREM, O ENHOR ME RECOLHERÁ.
11 Ensina-me, SENHOR, o teu caminho, e guia-me pela vereda direita, por causa dos meus inimigos.
12 Não me entregues à vontade dos meus adversários; pois se levantaram falsas testemunhas contra mim, e os que respiram crueldade.
13 PERECERIA SEM DÚVIDA, SE NÃO CRESSE QUE VERIA A BONDADE DO SENHOR NA TERRA DOS VIVENTES.
14 Espera no SENHOR, anima-te, e ele fortalecerá o teu coração; espera, pois, no SENHOR.

Ficou legal o seu blogger
quando der visite o meu
deixe recados
abraços
fica com Deus..
Jesus te Ama!!!

.bárbara disse...

e não é que penso nisso todos os dias?

tentações e desejos...uma vontade de jogar pra cima... descontar quando dá raiva...

e se cedermos? e se não?

não dá pra saber Anne...o que conforta-me é o fato de que sempre me responsabilizei pelas minhas escolhas, e pago por elas sem reclamar...

contudo, hoje as coisas são melhores...e eu tento, continuo tentando melhorar meu espírito, compreender ao outro e ver se eu tb não estou errando em algum lugar.

mas se queres abrir as asas, veja se exatamente quais os desejos que mais lhe beneficiam, e permita que aconteça aquilo que apenas vá lhe deixar mais feliz.

:***